segunda-feira, 25 de julho de 2016

Eu sou uma "mãe general" !!!


Hoje estava conversando com as amigas do trabalho, e uma delas disse que estava com dores nas costas e que por isso o marido ficou com as crianças a noite. Oi? Como assim? Perguntei, fiquei curiosa em saber qual horário as filhas dela dormiam, então ela me disse que a de 5 anos dorme meia noite e a de 1 ano dorme depois. Fiquei chocada, e não consegui evitar uma pergunta: A que horas você namora? Daí ela me respondeu "quase nunca", detalhe ela é Psicóloga!

 Fiquei chocada! Acho que sou uma pessoa muito egoísta, porque tirando os primeiros meses do Gui (os quais ele trocava o dia pela noite) eu sempre o coloquei para dormir as 21hs. No berço, depois na cama dele, porque tenho horror a criança dormindo no meio dos pais.

Contava história (até hoje de vez em quando ele me pede para ler um gibi), ensinava o Pai Nosso, Ave Maria e a oração do Anjo da Guarda, depois colocava a TV dele para desligar em 1 hora, fechava sua porta e entrava no meu quarto, trancava a minha porta e ia ler, conversar com o marido e NAMORAR!!! 

Acho terrível, casais que deixam filhos dominarem a relação, na minha casa filho é filho tem o espaço dele e o LUGAR dele. Eu já optei em trabalhar meio período, deixando livre parte da minha tarde (porque vou a academia e as vezes ao shopping sozinha!) para ajudá-lo com o dever de casa, trabalhos de escola, estudar para provas e também levá-lo para fazer alguns esportes (os quais ele escolheu). Depois do jantar, quando ele era mais novinho gostávamos de jogar alguma coisa (jogo da memória era nosso preferido!) e ver desenhos antigos, ensinei ele a gostar da Pantera Cor de Rosa (meu preferido na infância!), Pica Pau, Tom e Jerry e os clássicos do Walt Disney (Pato Donalds, Tico e Teco, Pateta, Pluto, Mickey ... todos aqueles béeeeem antigos!) 

Mas quando dava 21hs: CAMA! E eu tinha tempo para para mim!!!  Não abro mão do meu tempo, acho que todo mundo precisa disso, de um tempo para fazer as suas coisas! Hoje tenho mais tempo ainda, porque ele já está quase adolescente, não me chama para jogar (apenas para ver algum Youtuber ou me mostrar um jogo novo no computador). Então não faz o menor sentido para mim, que uma criança de 5 e outra de 1 ano de idade dite as regras da casa e dê ordens nos pais, penso que quando estiverem com 15 anos estarão batendo na cara da mãe!!! Meu pai me criou na linha dura, eu e meus irmãos o respeitávamos (respeitamos ainda!) muito, ele é um ótimo pai nunca nos proibiu de sair (eu frequentava bailinhos e danceterias aos 14 anos!) e sempre nos deu bons conselhos, ele e minha mãe nos criaram com muito amor e respeito! E  é assim que eu crio meu filho, impondo limites, respeitando seu espaço e ensinando a ele ter respeito pelo nosso!!! 


2 comentários:

✿ chica disse...

Drika, sou como tu. Aqui os meus sempre tiverem horários pra dormir e continuo isso com os netos aqui em casa. E consigo.Eles repousam, descansa, e nós também precisamos de momentos de paz, sozinhos,não é? Gostei desse blog! bjs, chica

Blog Casa e Fogão disse...

Você está certíssima! Penso como você. Não posso falar que faço isso, porque minhas crianças que tenho em casa são de patinhas, já viu como é a coisa?!
Quanto a psicóloga? Ela está precisando pegar umas dicas boa com você! Obrigada por passar no meu blog. Tenha um dia maravilhoso!